o que é subdomínio

O que é subdomínio? Definição e Exemplos

O que são subdomínios? Eles fazem parte de um domínio que antecede o nome do domínio principal e a extensão do domínio. Por exemplo docs.seuite.com.br. Nesse URL “docs” é o subdomínio,”seusite” é o nome do domínio e “.com.br” é a extensão do domínio.

Neste artigo, responderemos à pergunta com mais detalhes, explicaremos por que os subdomínios são úteis e mostraremos como criar seus próprios subdomínios.

Vamos aprofundar…

Como é a anatomia dos domínios? Explicado em mais detalhes

Para responder à pergunta “o que são subdomínios” em mais detalhes, primeiro você deve saber sobre a anatomia de um domínio! Vamos examinar a URL a anatomia de um domínio com base na imagem abaixo:

Anatomia de um domínio

https://www.google.com.br

Este URL contém algumas partes:

  • Um protocolo ( https:) é um conjunto de diretrizes que um navegador segue para enviar uma solicitação ao servidor. Normalmente os utilizados para comunicação de um site são http e https.
  • O domínio google.com.br ou URL para o site principal. Um domínio consiste em duas partes:
    o TLD (domínio de nível superior) que é a extensão do domínio “.com.br” e
    o SLD (domínio de segundo nível), google, nome que você compra de um registrador de domínio;
  • Um subdomínio contém um segundo nome antes do SLD. Por exemplo, se existisse um blog do Google como um subdomínio e tivesse o endereço https://blog.google.com.br, blog seria o subdomínio.

Subdomínios são a poção que vem ao lado esquerdo de uma url. Se a url for https://blog.seusite.com.br, neste caso o subdomínio é blog. Subdomínios são muito utilizados em grandes sites para separar ramificações dos mesmos em diferentes urls.

Para que é utilizado um subdomínio?

Um subdomínio é comumente usado para separar logicamente um site em seções. Você pode usar um subdomínio para iniciar um site de carreira (carreira.seusite.com), um fórum ( forum.seusite.com) ou para suporte ao cliente (suporte.seusite.com). Você também pode usar subdomínios para criar blogs de diferentes temas. Por exemplo, sbnation.com é um blog de notícias esportivas. No entanto, ele usa blogs como weaintgotnohistory.sbnation.com e theshortfuse.sbnation.com para equipes específicas em diferentes subdomínios.

Alguns usos comuns de subdomínios são:

  • Crie versões de idiomas diferentes de um site ( en.seusite.com);
  • Crie uma versão móvel de um site ( m.seusite.com);

Configure uma rede de sites não relacionados. Por exemplo, como você pode se inscrever em uma conta do WordPress.com e criar seu próprio blog em um subdomínio ( seublog.wordpress.com).

Você pode ser criativo com subdomínios. Você também pode apontar um subdomínio para uma seção ou uma única página do seu site.

Por exemplo, se você possui um site de portfólio pessoal, pode hospedar seu formulário de contato em contato.seusite.com.

Subdomínio é grátis?

Sim. Uma vez que seu domínio principal esta registrado você pode criar quantos subdomínios desejar sem ter custos adicionais por isso. O que pode variar é que para cada subdomínio você precisará de uma conta de hospedagem.

Se o seu plano de hospedagem permitir sites ilimitados, isso não será problema. Mas se sua conta de hospedagem permitir somente 1 site, será necessário contratar uma hospedagem adicional para cada novo subdomínio.

Exemplos de Subdomínios

Como dissemos acima, é muito comum grandes portais usarem com frequência subdomínios. Abaixo vamos dar alguns exemplos de grandes portais que fazem este tipo de ação:

  • Uol: Vários subdomínios, como economia.uol.com.br, esporte.uol.com.br, entre outros;
  • Globo: Também trabalha com divisões em subdomínios, como globoesporte.globo.com, g1.globo.com, entre outros;
  • Webtrends: A Agência de Marketing Digital Webtrends criou um subdomínio para hospedar o site de seu Coworking, sendo o endereço coworking.webtrends.net.br;

Agora que você já sabe o que é um subdomínio, será fácil identificar quando estiver navegando em um subdomínio.

O que é um subdomínio curinga?

Um curinga é basicamente um subdomínio “pronto para tudo”. Permite criar vários subdomínios sem precisar configurar manualmente cada um.

Por exemplo, se você quiser criar uma rede multi site para WordPress, use um subdomínio curinga para que cada site da rede possa obter seu próprio subdomínio (como WordPress.com).

Um subdomínio curinga é representado por um asterisco. Por exemplo *.seusite.com.br.

Como criar um subdomínio / DNS

👉 Antes de configurar qualquer subdomínio, você precisa ter um domínio principal. Se você ainda não cuidou disso, aqui estão os principais registradores de domínios que existem e seus preços.

Depois de comprar um domínio, você também compra os direitos para subdomínios nele. Em geral, estas são as etapas que você deve seguir para criar um subdomínio:

  • Crie o nome do subdomínio, insira-o como um registro nas suas configurações de DNS.
  • Redirecione para o servidor que hospeda seu subdomínio.
Criar subdomínio DNS

Você precisará criar um registro do tipo CNAME onde na primeira seta a esquerda deverá informar o nome do subdomínio e na seta da direita informará o endereço do servidor.

Quando você está entrando em um registro em suas configurações de DNS, você vai notar que www.seusite.com aponta para yoursite.com. Isso significa que www também cria um subdomínio!

A maioria dos hosts fornece ferramentas amigáveis ​​para ajudá-lo a conseguir isso.

Embora o uso real possa variar um pouco com base no seu host ou registrador.

Nota – você criará subdomínios no serviço que gerencia as configurações de DNS do seu domínio. Normalmente, este é o seu host, mas também pode ser o seu registrador de domínio, dependendo da sua configuração.

Quantos subdomínios eu posso ter?

É possível adicionar até 100 subdomínios em cada domínio que você registrar. É possível criar também um subdomínio de um subdomínio. Embora não seja comum, esta é uma pratica utilizada por alguma universidades e sites que demandam mais ramificações.

Para que servem os subdomínios?

Os subdomínios são utilizados para divisão em seções diferentes de um site. Muitas vezes, cada subdomínio é administrado por uma equipe diferente ou até mesmo empresas diferentes.

É possível também que cada subdomínio esteja hospedado em um servidor de hospedagem diferente.

Subdomínio / SEO – Criar subdomínios são vantajosos para SEO?

Os subdomínios são vistos pelo Google e por outros mecanismos de pesquisa como um site diferente. Isso significa que os mecanismos de pesquisa devem rastrear e indexar cada subdomínio separadamente.

É importante lembrar que o “link juice” criado a partir de backlinks para o site principal não é compartilhado entre seu domínio e subdomínios. A criação de page rank para palavras-chave para um subdomínio é tão difícil quanto para um site totalmente separado.

Você só deve usar subdomínios se tiver um bom motivo para fazê-lo. Por exemplo, você pode usar subdomínios para classificar palavras-chave diferentes, segmentar um mercado específico ou alcançar um local diferente ou servir um idioma diferente do seu site principal.

Subdiretórios são arquivos encontrados no seu domínio principal. O Google e outros mecanismos de pesquisa não veem os subdiretórios como sites separados; portanto, o “link juice” e o SEO são compartilhados entre o seu domínio e os subdiretórios.

Para blogueiros, startups ou pequenas empresas com tempo e recursos limitados, o uso de subdiretórios ajudará você a classificar seu site mais rapidamente do que o subdomínio.

Os subdiretórios, ao contrário dos subdomínios, ficam localizados ao lado direito da url de seu site. Por exemplo, o subdiretório blog ficaria seusite.com.br/blog enquanto o subdomínio blog ficaria em blog.seusite.com.br.

Considerações finais

Para recapitular, um subdomínio é a parte de uma URL anterior ao nome de domínio “principal” e à extensão do domínio. Por exemplo docs.seusite.com.br.

Os subdomínios podem ajudá-lo a dividir seu site em partes lógicas ou a criar sites separados, por exemplo, um blog separado para cada equipe esportiva.

Se você quiser se aprofundar no tópico sobre a estrutura de URL, acompanhe o blog que em breve vamos lançar um guia sobre configurações e anatomia de urls.

Você tem alguma dúvida adicional sobre subdomínios? Deixe-nos saber nos comentários.